Família de Carlota precisa de 35 mil euros até 10 de março

 

Há um tratamento na Tailândia que pode dar uma nova vida à pequena Carlota.

Carlota tem quatro anos, sofre de paralisia cerebral, com hemiparesia à direita, no entanto com o crescimento os pais começaram a perceber que o problema se estende também à esquerda. “O simples gesto de pegar no pão, pintar, não tem tanta sensibilidade”, explicou a mãe, que desde que Carlota nasceu, deixou de trabalhar para acompanhar a filha e encarar uma luta de angariação de fundos, para que a Carlota tenha uma vida mais digna. A menina não anda, não fala, apenas se arrasta e emite sons, uma forma que encontra também para manifestar carinho e vontades.

Logo que nasceu os pais perceberam que algo não estava bem, no entanto, só aos oito meses tiveram confirmação, após a menina ter sido internada com epilepsia. “Não virava a cabeça, tinha um choro de dor”, lembra a mãe.

Após o diagnóstico, surgiu a fase de aceitação: “Mudámos a nossa vida, cortamos todos os gastos supérfluos, como ir à cabeleireira, ou jantar fora, foi instintivo. Quando achava que nunca seria capaz de reagir, surpreendi-me a mim própria”.

Há uma onda solidária, em Vila Nova de Sande, concelho de Guimarães, em torno de Carlota. E a principal ajuda tem vindo dos mais jovens. “Vamos lutar sempre e estipulei um objetivo, deixar a Carlota o mais autónoma possível quando eu e o pai morrermos”, disse Sónia Silva.

Atualmente a família encontra-se com campanha de tampinhas para ir angariando verba para as terapias de Carlota. “E neste processo é muito difícil não desistir só com os amigos é que conseguimos”, refere.

A Carlota necessita de um tratamento com células tronco, em Bangkok, na Tailândia.

O tratamento será feito num mês, de 15 de março a 10 de abril e a família tem que pagar 35 mil euros até dia 10 de março. “Já conhecia o tratamento e há uma possibilidade muito grande da Carlota reagir porque se trata da inserção de 60 milhões de células nos braços e na medula. “Eles só aceitam casos tratáveis e de sucesso praticamente garantido, ou seja, pode dar condições de recuperação a Carlota, que tem uma força de vontade muito grande. Ela é que nos dá força e é uma menina muito acarinhada, dinamiza onde quer que passe”, refere Sónia Silva.

Sónia Silva deslocou-se à Rádio Vizela e ao RVJornal para apelar aos corações dos vizelenses e agradecer-lhes também o ato de solidariedade que tiveram quando se disponibilizaram para apanhar, na Av. Engenheiro Sá e Melo, milhares de tampinhas de plástico que Sónia Silva transportava em prol da filha, que caíram na via pública há uns meses. O apelo é extensível a todos, de acordo com a possibilidade de cada um. “Deixo também um apelo aos empresários da região para que nos ajudem nesta caminhada e nesta luta contra o tempo”, rematou Sónia Silva. Os interessados em contribuir, podem entrar em contacto com a família (Mãe: 935088419) ou efetuar transferência multibanco (IBAN: PT50003502710001820380026).

Publicités

A propos Les Amis de Mattéo

Cette association s'assigne les buts suivants : L'aide morale, psychologique, matérielle et financière à tous ceux qui environnent de près ou de loin autour de la Paralysie Cérébrale ; Autant en faveur des personnes touchées directement qu'en faveur de leurs familiaux et accompagnants Ainsi qu'en faveur des structures associatives oeuvrant dans un domaine proche selon leurs statuts, Porter à la connaissance de tous, en relayant les informations sur l'évolution de la recherche, la diffusion des bonnes pratiques.
Cet article a été publié dans Non classé. Ajoutez ce permalien à vos favoris.

Laisser un commentaire

Entrez vos coordonnées ci-dessous ou cliquez sur une icône pour vous connecter:

Logo WordPress.com

Vous commentez à l'aide de votre compte WordPress.com. Déconnexion / Changer )

Image Twitter

Vous commentez à l'aide de votre compte Twitter. Déconnexion / Changer )

Photo Facebook

Vous commentez à l'aide de votre compte Facebook. Déconnexion / Changer )

Photo Google+

Vous commentez à l'aide de votre compte Google+. Déconnexion / Changer )

Connexion à %s